Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘arte’

Seria muita inveja, qualquer critica negativa!

Vik Muniz

Tá em choque?
vito!

Anúncios

Read Full Post »

Encontrei no blog da Revista Bravo de hoje, um vídeo bem curtinho sobre Mônica Nador. Confesso que não a conhecia, mas logo de cara me pareceu ser uma pessoa inspiradora.

Seria interessante tomar um cafézinho e trocar conversas, para inspirar e aprender um pouco mais sobre criatividade, pró-atividade, solidariedade……

Como é que eu posso ajudar, sendo artista plástica?

Como é que eu vou trabalhar com inclusão social, com emancipação humana?

Porque não me interessa ser uma artista plástica com essa base que a gente tem. Qual é a glória?

Nos anos 80, a paulista Mônica Nador já se questionava sobre o formalismo acadêmico na pintura. Duas décadas depois, instalou-se no bairro Jardim Miriam, na periferia de São Paulo, onde fundou o Jardim Miriam Arte Clube (JAMAC) . O espaço funciona como um ateliê aberto aos moradores locais.

Em sua nova exposição Cubo Cor – Autoria Compartilhada , ela assina as obras em conjunto com o grupo. A exposição está em cartaz até 02/03/2012

CUBO COR – MÔNICA NADOR [AUTORIA COMPARTILHADA]
Luciana Brito Galeria
De 19.11.2011 à 02.03.2012
R. Gomes de Carvalho, 842
Vila Olímpia – São Paulo
lucianabritogaleria.com.br

No blog da exposiçao é possível ver os trabalhos com estencil……. Eu que trabalho com estamparia corrida têxtil, tive várias idéias das boas……….

Assista ao vídeo sobre o trabalho da artista:

Tá em Choque?

GABI!

Read Full Post »

Vou confessar que conheci o Vik Muniz quando ele fez a “entrada” da novela global, acredito que foi ali um ponta pé inicial para o nome “aparecer” na mídia nacional, depois pesquisando vi que ele tinha uma longa jornada, achei trabalhos dele de 1987 já muito rico, penso eu! “quando eu nasci ele já era bom!” e o trabalho dele só veio melhorando e o melhor de tudo se renovando, na minha opinião ele é uns dos artistas brasileiros que mais criam com diversos materiais, o que faz ser mais artista ainda, sabe usar de varias ferramentas para criar, com certeza é uma referência muito importante para mim, parabéns pelo prêmio!

Site: http://www.vikmuniz.net/
Mais sobre o artista: http://pt.wikipedia.org/wiki/Vik_Muniz

Homem do Ano GQ na categoria Artes 2011

A capacidade de surpreender de Vik Muniz parece inesgotável. Indicado ao Oscar de Melhor Documentário com seu Lixo Extraordinário, que mostrava seu trabalho com catadores de um lixão no Rio, ele passou o primeiro semestre buscando apoio para a associação de seus novos protegés. Em setembro, apresentou em Nova York a série inédita de telas feitas a partir de rasgos de revistas, jornais, livros e publicidades que reproduz obras de grandes mestres. Espécie de impressionismo midiático, essa nova empreitada ressuscitou as maçãs de Cézanne, o absinto de Degas, os campos de trigo de Van Gogh, a Crucifixion, de Thomas Eakins, de rasgos de textos sagrados. “Fiquei muito surpreso, para falar a verdade, com o prêmio. Não sou um homem muito ligado a lifestyle, mas gostei muito do reconhecimento da revista”. Com esse jeito simples, o criativo e inquieto artista plástico Vik Muniz agradeceu ao prêmio de Homem do Ano na categoria Artes. “É incrível voltar ao país para participar da cultura por aqui de uma forma mais completa. Arte contemporânea não é privilégio, é direito”, disse, no palco, ao receber o prêmio do pequeno Paulo Marinho.

Fonte: (http://gq.globo.com/men-of-the-year/surpreso-e-feliz-o-artista-plastico-vik-muniz-recebeu-o-premio-de-homem-do-ano-na-categoria-artes/)

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

Hoje vou falar do grande Rembrandt, alguns meses atrás não o conhecia, porém o meu professor fala muito e muito bem deste artista, então decidi investigá-lo e compartilhar suas obras com um vídeo muito bom, boas informações de cores, formas e inspirações  !

Rembrandt Harmenszoon Van Rijn foi um importante pintor e gravador holandês. É considerado um dos mais importantes pintores do barroco europeu. Nasceu em 15 de julho de 1606 na cidade de Leiden e faleceu em Amsterdam em 4 de outubro de 1669. Filho de uma família simples e com muitos irmãos Rembrandt estudou latim quando era criança. Nesta época, já demonstrava grande interesse pela pintura. Jovem, foi matriculado na Universidade de sua cidade natal (Leiden).  Foi aprendiz do pintor holandês Jacob van Swanenburgh e, pouco depois, abriu seu próprio estúdio de arte em sua cidade.  Em 1629, seu talento foi descoberto e conseguiu várias encomendas de pinturas para a corte de Hague.  Nas décadas de 1630 e 1640 seu nome ficou muito conhecido no cenário artístico holandês e europeu. Grande parte de suas obras famosas foi realizada neste período.

Estilo artístico de Rembrandt:
– Na primeira fase de sua vida artística (1625 – 1630), Rembrandt abordou temas religiosos e alegóricos. Nesta fase, o detalhismo fez muito presente em suas pinturas.
– Na primeira metade da década de 1630, Rembrandt abordou temas mitológicos, cenas da Bíblia e paisagens naturais. Suas obras neste período são marcadas pelo formato ampliado e contrate alto;
– Na década de 1640, o pintor passou a dar um tom mais sombrio às suas pinturas. O formato reduziu de tamanho.
– Na década de 1650, Rembrandt foi para um estilho mais detalhado e fino. Com cores fortes, retratou personagens bíblicos de forma individual.
– Nos últimos anos de sua vida, Rembrandt pintou autorretratos.

Principais obras de Rembrandt:
– Jeremias prevê a destruição de Jerusalém – 1630
– A Lição de Anatomia do Dr. Tulp – 1632
– A descida da cruz – 1633
– Ronda Noturna – 1642
– Aristóteles com o busto de Homero – 1650
– As Três Cruzes -1653
– O banho de Betsabé – 1654
– Autorretrato com pintura e pincéis – 1660

 

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

Hoje vou começar uma série de posts com bons documentários sobre grandes artistas que venho assistindo nos últimos meses, entre eles Leonardo da Vinci, Rembrandt Van Rijn, Paul Klee, Veronese, Escher e muito mais, para quem gosta de arte vai ficar em choque ao ver as técnicas aplicadas, os contextos das obras e o talento  inquestionável de qualquer um deles. Com certeza cada vídeo que irei postar vai agregar muito em todos os aspectos, até as músicas de fundo acalmam e te elevam a um ponto de foco e concentração no documentário.

Para começar Leonardo Da Vinci. Você irá surpreender e entender por que o nome dele foi eternizado, ele não é o gênio das “engenhocas” como todos pensam, ele “apenas” (não tiro o mérito dele, por que realmente era fora de série, mas muitas coisas não foram ele quem as inventou) aperfeiçoava muitas coisas que já existiam desde a asa-delta até o Homem-Virtruviano, porém na pintura foi realmente um GÊNIO! Isso por que ele falava que suas mãos não acompanhavam sua inteligência, penso eu SE acompanhasse!?!?!?!

Completos!

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

Em minhas novas aventuras no mundo encantado das artes descobri o hiper-realismo que está me deixando louco, tive o primeiro contato com essa estilo no Metropolitan Art Museum , ao ver as incriveis telas pintada pelo artista Chuck Close que me deixaram de boca aberta. Peço minhas sinseras desculpas pelas fotos em baixa resolução! Massss para compensar irei postar algumas fotos de Collin Bogle e Jacques Bodin, dois outros artistas do hiper-realismo.

chuck close

ta em choque ? Chuck Close

Hiper-realismo ou fotorrealismo é um estilo de pintura e escultura, que procura mostrar uma abrangência muito grande de detalhes, tornando a obra mais detalhada do que uma fotografia ou do que a própria realidade.
As obras hiper-realistas, por apresentarem uma exactidão de detalhes bastante minuciosa e impessoal, geram um efeito de irrealidade, formando o paradoxo: “É tão perfeito que não pode ser real”.
Teve início em 1968, expandindo-se no início dos anos 70, tendo grande popularidade em Inglaterra e nos Estados Unidos.
Os artistas dessa corrente artística utilizavam o recurso da ampliação fotográfica, derivada da Pop Art – movimento iniciado no EUA na década de 60 do século passado que tinha como alvo principal toda cultura de massa. O Hiper-realismo aliou essa técnica ao uso de uma meticulosa iluminação e de reflexos naturais e artificiais, que conferem uma qualidade visual fantástica a imagens cotidianas, tais como: lojas de alimento, automóveis e reflexos em fachadas de vidros.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

Alexander McQueen sem palavras para descrever o seu talento, melhor expo que já fui em toda minha vida! Vale muito a pena assistir o video, vai muito mais além da moda e do cenário fashion, realmente foi um artista incrível e uma peca muito grande, para mim entre os designers da “nova geração” foi o melhor de todos, mas tenho a esperança de que esta expo venha para o Brasil para vê-la novamente e serei o primeiro na fila!

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: