Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘metropolitan art museum’

Seria muita inveja, qualquer critica negativa!

Vik Muniz

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

Em minhas novas aventuras no mundo encantado das artes descobri o hiper-realismo que está me deixando louco, tive o primeiro contato com essa estilo no Metropolitan Art Museum , ao ver as incriveis telas pintada pelo artista Chuck Close que me deixaram de boca aberta. Peço minhas sinseras desculpas pelas fotos em baixa resolução! Massss para compensar irei postar algumas fotos de Collin Bogle e Jacques Bodin, dois outros artistas do hiper-realismo.

chuck close

ta em choque ? Chuck Close

Hiper-realismo ou fotorrealismo é um estilo de pintura e escultura, que procura mostrar uma abrangência muito grande de detalhes, tornando a obra mais detalhada do que uma fotografia ou do que a própria realidade.
As obras hiper-realistas, por apresentarem uma exactidão de detalhes bastante minuciosa e impessoal, geram um efeito de irrealidade, formando o paradoxo: “É tão perfeito que não pode ser real”.
Teve início em 1968, expandindo-se no início dos anos 70, tendo grande popularidade em Inglaterra e nos Estados Unidos.
Os artistas dessa corrente artística utilizavam o recurso da ampliação fotográfica, derivada da Pop Art – movimento iniciado no EUA na década de 60 do século passado que tinha como alvo principal toda cultura de massa. O Hiper-realismo aliou essa técnica ao uso de uma meticulosa iluminação e de reflexos naturais e artificiais, que conferem uma qualidade visual fantástica a imagens cotidianas, tais como: lojas de alimento, automóveis e reflexos em fachadas de vidros.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Tá em choque?
vito!

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: